Saiba como lidar com fornecedores

Ser gestor já é um grande desafio, mas ser gestor na área de alimentação pode requerer muito mais atenção. A satisfação do público, o uso de alimentos frescos e o controle de estoque são questões que dependem diretamente de um ponto: saber como lidar com fornecedores.

São esses parceiros um dos principais responsáveis pelo bom funcionamento de um empreendimento de restaurante e, por isso, algumas práticas são fundamentais para melhorar a relação entre você e eles.

Pensando nisso, hoje vamos falar sobre como lidar com fornecedores e o impacto deles no seu negócio! Interessou-se? Então acompanhe!

Relacionamento entre fornecedores e restaurantes

Crescer sozinho no mercado atual é um grande desafio, e não há mais necessidade de aventurar-se no meio do empreendedorismo dessa maneira. Hoje, o leque de parceiros e fornecedores é amplo, e os gestores têm a opção de escolher aqueles que melhor combinam com o serviço.

Assim, a possibilidade de criar boas relações, compartilhando objetivos e incentivando o crescimento de ambos os negócios deve ser o foco. Um grande erro é ter relações apenas comerciais, portanto lembre-se: encontre bons fornecedores que tenham interesse no seu sucesso!

Para os restaurantes, isso se torna ainda mais evidente. Prazos para entrega de produtos, qualidade dos alimentos, preço etc. são fatores que definem as boas empresas do ramo alimentício.

Por isso, esteja sempre atento para encontrar fornecedores que possam suprir a sua demanda da melhor forma.

Como afirmamos, hoje é possível encontrar grande variedade de fornecedores, mas cabe a você lidar com eles da melhor forma, negociando sempre para obter os melhores serviços. Algumas práticas podem ajudá-lo a otimizar a gestão de compras e vencer esse desafio, veja a seguir.

Pesquisa e negociação

De nada adianta um serviço barato e ruim ou um serviço bom mas caro: isso pode comprometer a saúde financeira do restaurante. O primeiro passo, portanto, é fazer uma boa pesquisa de fornecedores, encontrando aqueles que consigam efetivamente prestar um bom serviço a um preço justo.

Faça uma lista com aqueles que têm mais capacidade de atender às expectativas do seu negócio e então parta para a negociação. O ideal, nessa etapa, é ser maleável nas negociações, mas nunca abrir mão dos seus principais interesses.

Gestão de estoque de perecíveis

Fazer a gestão de perecíveis requer sempre muita atenção: a qualidade dos alimentos depende da rotatividade, portanto estocar muitos produtos pode ser inviável para muitos negócios.

Isso faz surgir a necessidade de um fornecedor capaz de auxiliar no reabastecimento de forma constante. Assim, é possível evitar um abastecimento farto e com alta possibilidade de perder materiais.

Informe aos seus parceiros sobre a necessidade da sua atividade e encontre aqueles interessados em prestar um serviço eficiente!

Patamares de qualidade

A qualidade — tanto do fornecedor quanto dos produtos oferecidos — é um fator de extrema importância para a saúde de um empreendimento.

Imagine criar relações com um prestador de serviços que atrasa a entrega, ocasionando a falta de alimentos, ou fornece produtos de baixa qualidade que mal podem ser aproveitados: os danos podem ser irreparáveis, portanto é importante manter um cuidado.

Por isso, o ideal é definir padrões mínimos de qualidade, com feedbacks positivos e negativos dessa relação. Assim, você consegue estreitar os laços e melhorar gradativamente o serviço oferecido ao seu restaurante.

E aí, leitor? Gostou destas dicas de gestão sobre como lidar com fornecedores e extrair os melhores resultados? Precisa de auxílio para colocá-las em prática? Então, entre em contato conosco que podemos ter as melhores soluções para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Cadastre-se em nossa Newsletter:

Share This